O domingo foi marcado por um importante fato para a Apple e para o resto do mundo: o iBook completou 20 anos desde o seu lançamento… incluindo o lançamento do Wi-Fi como um produto comercial e totalmente operante.

Quando Steve Jobs retornou à empresa, ele fez uma famosa grade de quatro caixas em um quadro branco para mostrar como ele queria simplificar a linha de produtos bagunçados da Apple…
À esquerda estava o Desktop e o portátil; na parte superior estava Consumidores e Profissionais. Steve queria um produto para cada caixa.

O preenchimento da caixa portátil do consumidor levou algum tempo, mas o resultado final foi o iBook. Com o estilo emprestado do iMac, esse laptop bonito foi extremamente bem recebido, como a CNN observou no dia.

É portátil, sem fio e vem em duas “cores de frutas”. É o iBook, o laptop da Apple Computer Inc., lançado na quarta-feira na conferência de tecnologia MacWorld Expo, em Nova York.

Com base no tema de cor pastel do desktop iMac, que ajudou a reerguer a empresa, a Apple vai oferecer o iBook em cor azul e tangerina […]

O analista do IDC, Bruce Stephen, afirmou que as especificações do computador, que incluem um processador de 300 MHz, 32MB de RAM e um disco rígido de 3.2GB, estão muito bem alinhadas a de outros laptops na mesma faixa de preço.

Grande parte disso pode ter um papel secundário no apelo real do iBook, no entanto.

“O trunfo do iMac está realmente nos detalhes e no design exclusivo”, disse Stephen. “Isso é o que eles estão tentando fazer com o iBook também.”

O lançamento do Wi-Fi

Mas não foi apenas o belo design que impressionou a multidão: era uma habilidade única que tinha. Rede sem fio.

Steve pegou a máquina e atravessou o palco com ela enquanto ela estava conectada a um site, depois passou o iBook através de um bambolê para provar que não havia fios envolvidos. (Assista a partir de 15 minutos)

Um ex-executivo sênior da Lucent Technologies compartilhou no ano passado como foi uma reunião com Steve Jobs, que viu o Wi-Fi finalmente se transformar em um produto comercial após dez anos de tentativas.

Cees e sua equipe estavam trabalhando há mais de uma década na introdução da tecnologia WLAN para as massas, mas sem sorte. Depois de muitas tentativas, a Apple finalmente chegou a Lucent e disse que queria conhecer […]

A Apple estava procurando por algo diferente e novo para o seu produto para notebook iBook, e Steve ficou muito satisfeito com a ideia de conectividade sem fio para laptops. Olhando para trás, parece-me que ele provavelmente já se decidira antes da reunião ”, diz Cees Links.

A Apple, é claro, tinha seu próprio cartão Wi-Fi e estação base como AirPort, mas Steve enfatizou que se baseava no que se tornaria um padrão industrial, o 802.11, que todos os outros adotariam.

O inicio de uma revolução sem fios

O lançamento do Wi-Fi teve um enorme impacto na maneira como trabalhamos e jogamos, mas também criou o império para o desejo dos dados móveis. em uma época onde a nossa conexão era 2g.. hoje já falamos de 5G! A verdade é que quando as pessoas podem ficar on-line através do Wi-Fi, é inevitável que elas queiramos fazer as mesmas coisas como se estivéssemos na Wi-Fi de casa, sem limitações.

O iBook deu origem ao Wi-Fi como um produto de consumo, e estava dando aos consumidores a liberdade de acesso à Internet portátil, que por sua vez, daria origem ao smartphone em algum momento. E da mesma forma que a Apple precisou transformar o Wi-Fi em um produto amigo do consumidor, o iPhone também adotou o mesmo principio nos smartphones, como a tela multi-touch, o Touch ID.. e outras tecnologias.

Nos dias de hoje, a Apple não é tão rápida em adotar novos padrões de comunicação móvel. Por exemplo: o padrão Wi-Fi mais recente é o Wi-Fi 6 (um nome mais amigável dado ao 802.11ax), e apesar de haver rumores que digam que talvez vejamos ele ser lançado nos iPhones deste ano, é improvável que vejamos este novo padrão se estender pelos outros produtos da Apple, como Mac, Apple TV, iPod Touch e outros.

O mesmo é verdade para 5G. Enquanto a rede 5G está engatinhando para ser lançada nos EUA, no Reino Unido e em outros lugares, com alguns smartphones Androids já suportando o padrão hoje, a Apple não deve lançar um iPhone com 5G enquanto a tecnologia não estiver madura o suficiente para encarar o campo.

Assista o lançamento completo do iBook abaixo.

 Via 9To5Mac

Show Full Content

Sobre o Autor Ver Histórias

Ana Vitória
Ana Vitória

Cheguei pra colocar ordem na casa e pra deixar tudo mais cool, descomplicar a tecnologia do jeito que as pessoas entendem e gostam. Sou criativa e dito as tendências aqui no PdiP.

Anterior Monte o Plano perfeito com o Professor
Próximo Apple lança iOS 12.4, tvOS 12.4, macOS Mojave 10.14.6 e watchOS 5.3
Business Chat não é suportado neste dispositivo.

Clube do Professor

Conteúdo exclusivo e suporte prioritário.
Conheça agora

Faça parte da Lista VIP!

Mais lidos na Semana

Destaques

Close

PRÓXIMA HISTÓRIA

Close

Os novos iPhones e a nova Câmera

20 de dezembro de 2018
Close