fbpx
×

Baixe com a Siri

Mais praticidade no seu dia. Conheça o Baixar do Instagram. + de 5 Milhões de downloads.

Conheça o App

Ínicio

Atalhos

Dicas

Buscar

Menu

Evolução do chip SIM

Se você, assim como eu, é dos anos 90, acompanhou toda essa transição da telefonia móvel.

Antes comprávamos o telefone com a linha embutida, depois adotamos o Mini SIM, com a evolução dos smartphones e a miniaturização das peças, o Mini SIM fica menor e passa a ser chamado de Micro SIM, depois o Nano SIM e finalmente o mais atual, eSIM.

Todos os SIM ( subscriber identification module, que, em tradução livre, pode ser lido como Módulo de Identificação do Assinante ) possuiam exatamente o mesmo tamanho, o que diminuiram foram as bordas.

Entretanto o eSIM veio revolucionar a evolução dos CHIPs com uma tecnologia antiga, sim, uma revolução com antiguidade.

Como eu disse no início, antes nós comprávamos os telefones com a linha “embutida”, pois não havia tecnologia SIM. Hoje, o eSIM é basicamente a mesma coisa, seu número embutido no aparelho, porém, com a facilidade de migração para outro device caso queira.

Porque devo migrar para o eSIM?

O eSIM é um chip que está soldado na placa do iPhone e não pode ser removido facilmente como os outros modelos, e isso só traz vantagens.

A principal delas é a segurança que ela trará ao seu iPhone, explico.

Quando um chip eSIM é configurado em seu iPhone, não há maneiras de removê-lo, isto significa que, em um possível furto ou roubo, o criminoso não conseguirá tirar seu chip e colocar em outro aparelho para obter seu número, recuperar contas da web, dominar seu WhatsApp e, até mesmo, aplicar golpes em seus parentes.

Com o eSIM funcionando, o máximo que ele conseguirá é colocá-lo em modo avião ou desligar o aparelho, mas assim que for ligado ou sair do modo avião, o chip já se comunicará com a internet e mandará um sinal de localização para que o encontre via app Buscar.

Lembrando que nesses casos, você poderá acessar o site icloud.com/find e ele não pedira a senha de autenticação em 2 fatores, assim conseguirá manipular seus dispositivos facilmente e ativar o Modo Perdido.

Senha no CHIP

Você deve se lembrar que já falamos aqui para colocar uma senha segura, de 8 dígitos, em seu CHIP SIM.

Isso é primordial caso não esteja usando o eSIM, mas se estiver com o eSIM, recomendo que não adicione uma senha nele, pois a senha servirá para que o criminoso não tenha acesso ao seu chip.

Uma vez que seu chip é inacessível, colocar uma senha pode ser um tiro no pé da rastreabilidade, pois ao ligar o aparelho ele pedirá a senha para que o eSIM funcione e isso acabará com o processo de sempre tê-lo rastreado.

Por fim, mas não menos importante

Todos os iPhones que vieram após o iPhone X (XR ou posterior) possuem eSIM na placa e podem habilitar até dois cadastros e mantê-los funcionando simultaneamente.

No meu caso eu tenho meu número principal e comprei um secundário, pré-pago, apenas para manter internet nele e habilitei o “chaveamento automático” entre as operadoras, sim, é importante que sejam de operadoras diferentes, pois se não houver sinal em uma, possivelmente terá na outra e seu iPhone nunca ficará offline.

Vale a pena ressaltar que o iPhone suporta 2 usos de números simultâneos, isto quer dizer que você poderá usar um chip físico (nanoSIM) + eSIM ou 2 eSIM’s (método que uso e recomendo que faça o mesmo).

Como migrar?

Tanto a TIM, quanto a VIVO e a Claro suportam a tecnologia e possuem maneiras diferentes de ativação do serviço, TODOS OS PLANOS das operadoras são compatíveis com eSIM.

  • Pela Claro é possível comprar um número diretamente pela web. Você escolhe o plano (se controle ou pré), realiza o pagamento e aguarde em seu e-mail o QRCode + dados para ser configurado em seu iPhone.
  • Pela Vivo é possível somente na loja física, pois eles coletarão uma foto do seu rosto para validar que você quem está pedindo a migração ou a nova linha de fato. A princípio não tem custo, embora eu tenha pago R$ 15,00, um amigo comprou uma linha nova e não foi cobrado.
  • Pela TIM somente pela loja física, porém as revendas costumam dar trabalho. Umas alegam que somente planos pós-pagos (mentira, chame o gerente), outras dizem que não tem o chip na loja (pois eles vendem um cartão com um QRCode para que você escaneie. Guarde este cartão para usos futuros). O processo de migração é simples e rápido, a loja pedirá seu documento para escaneá-lo, validará que você é você e passará o valor, que, aparentemente não é padrão, pois eu paguei R$ 13,00 e um amigo pagou R$ 15,00.

Tem pontos negativos?

Sim! Mas somente 1.

Como dito acima, o eSIM é embutido na placa, quando você configura o número do seu telefone, você tem a possibilidade de deletá-lo facilmente, mas não de migrá-lo para outro dispositivo, isto é, caso você troque de iPhone, precisará escanear o QRCode novamente, o que não é ruim no caso da TIM e da Claro que lhe darão posse do QRCode, porém se o seu número é VIVO, precisará ir até uma loja para validar que você é você e então configurar no novo aparelho.

Rumores do iOS 16

Ao que tudo indica, no iOS 16, que deverá ser liberado oficialmente entre Setembro e Dezembro, será possível migrar o número de telefone para o novo iPhone apenas via bluetooth, facilitando a vida e sem precisar escanear novamente, tudo de forma nativa, como se o iPhone puxasse seu número do backup do iCloud, mas, para que isso funcione no Brasil, as operadores deverão liberar essa função. Vamos torcer.

Este artigo foi útil?

Atribua uma nota:

Média de Classificação: 5 /5.

Nenhum voto até agora. Seja o primeiro a avaliar este post.

Obrigado pelo seu voto.

Lamentamos que este post não tenha sido útil para você!

Como podemos melhorar este conteúdo?

Show Full Content

Sobre o Autor Ver Histórias

Gustavo Saez
Gustavo Saez

 Teacher | Privacidade | Estóico |  Maníaco | Host do podcast parceiro do PdiP - PodApps - um podcast focado em privacidade.

Anterior Como colocar o certificado de vacina no iPhone
Próximo  Como digitar o logo da Apple no iPhone

1 comentário em “Como migrar para o eSIM, o chip virtual do iPhone

Deixe um comentário

Registre-se ou faça login com



O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fechar

PRÓXIMA HISTÓRIA

Fechar

5 dicas para iniciantes no iPhone

Passo a passo para você.
Fechar
X